Vida Cristã - Província Franciscana da Imaculada Conceição do Brasil - OFM

As chagas dilatam os espaços do amor

04/06/2020

Frei Almir Guimarães 

Sempre de novo  Cristo  Jesus, o vivo, ressuscitado, o esposo, o amado, aquele que torna o homem humano,  o bom samaritano.  Hoje, mais do nunca, sabemos que precisamos alimentar encontros pessoais com ele, vivo,  presente na Igreja e no mundo,  como força viva.  Não nos fiemos num conhecimento  racional sem o coração. Franciscanos temos a missão “de tornar o Amor amado.”  Para tanto,  haveremos todos de nos deter  diante do  Senhor, não por  uma fria obrigação mas porque ele no seduziu.

Pedro  Crisólogo,  bispo do século V,  escreve página esplendorosa  como se Cristo estivesse agora nos dirigindo a palavra:

 Talvez vos perturbe a enormidade de  meus sofrimentos  causados por vós.  Não tenhais medo.  Esta cruz não me feriu a mim,  mas feriu a morte. Estes cravos não me provocam dor,  mas cravam mais profundamente em mim o amor por vós. Estas chagas não me fazem soltar gemidos, mas os introduzem  mais intimamente em meu coração. O  meu corpo,  ao ser estirado na cruz, não aumenta  o  meu sofrimento,  mas dilata os espaços do  coração para vos acolher. Meu sangue não é uma perda para mim, mas é o preço do vosso resgate.

             Pedro Crisólogo, com este artifício literário,  permite que  cheguemos  a  vislumbrar  o que se passa no peito do Senhor.  Quantas vezes mães que  passam o tempo todo cuidando de um filho doente,  desobediente, irreverente,  mesmo  confinado ao leito. Homem já cheio de revolta. Comida, asseio, remédios,  roupas que  foram  encharcadas  de urina, fezes, vômitos e sangue de curativos que  se soltaram…  nem um minuto de folga.  Atenção noite e dia, semanas e semanas… Ela dirá que  o faz a partir do dom, do amor,  mesmo  tratando-se de tarefa  pesadíssima.  Não precisa da pena e da compaixão  porque ama esse filho que colocou no mundo.  Assim, como  Jesus,  ela ( e com elas tantos que escondidamente padecem um calvário )  esquecem o peso da dor… o  bem do outro e uma vida doada.

Permitam-se transcrever a segunda parte da reflexão de  Pedro  Crisólogo em que nos pede  coisas maravilhosas e que nós sejamos um odorífero sacrifício ao  Senhor:

Ó  homem, sê tu sacrifício  e sacerdote de Deus;  não percas aquilo que te foi dado  pelo poder do  Senhor. Reveste-te com a túnica da santidade;  cinge-te com o cíngulo da castidade;  seja Cristo o véu de proteção de sua  cabeça;  que a cruz permaneça em tua fronte como defesa. Grava em teu peito  o sinal da divina ciência;  eleva  continuamente a tua oração como perfume de incenso;  empunha a  espada do  Espírito;  faze de teu coração um altar. E assim, com toda confiança, oferece teu corpo  como vítima a Deus.

 

Download Premium WordPress Themes Free
Download Premium WordPress Themes Free
Download Best WordPress Themes Free Download
Free Download WordPress Themes
download udemy paid course for free
download micromax firmware
Download Nulled WordPress Themes
download udemy paid course for free

Conteúdo Relacionado