Vida Cristã - Província Franciscana da Imaculada Conceição do Brasil - OFM

“Oratio Composita a Beato Francisco”: Uma inédita oração de São Francisco?

20/07/2022

Imagem: São Francisco, de Bonaventura Berlinghieri (1210–1287), Wikimedia Commons, domínio público

 

Frei Gilberto da Silva

Em abril deste ano, a revista de cultura franciscana “Frate Francesco”, do Centro Cultural Arcoeli de Roma, editou um estudo levantando a hipótese da autenticidade de mais um texto de Frei Francisco de Assis: trata-se de uma das suas orações. O estudo ficou sob a orientação do Capuchinho Alexander Horowski. A pergunta que podemos fazer é: quantos textos originais/autênticos ainda podem ser encontrados após 800 anos de história? E ainda: onde o texto foi conservado e por que permaneceu anônimo durante todo este período?

Em seu trabalho, Frei Horowski efetuou um estudo retrospectivo de outros franciscanos que se dedicaram ao trabalho de pesquisa sobre os escritos de São Francisco de Assis, como, Frei Ángel Uribe, em 1974, que publicou um comentário sobre o códice L. 1258 conservado no Arquivo Nacional de Madrid. Este código contém manuscritos do ano de 1500 e outros textos de São Francisco e Santa Clara de Assis, como fragmentos das Regras da primeira e segunda Ordem, textos jurídicos, legislativos e litúrgicos dos franciscanos .

Frei Kajetan Esser, ao preparar a edição crítica dos Escritos de São Francisco de 1976 , usou o código de “Madrid” somente para comparar as variantes textuais. Quanto à oração em questão, Frei Esser tinha suas dúvidas e não considerou o texto autêntico (HOROWSKI, 2022). A escolha de colocar a oração entre os textos não autênticos fez com que ele permanecesse no “limbo”, perdido no tempo, e nem os recentes estudos sobre os Escritos de São Francisco de Assis realizados por Frei Carlo Paolazzi abordaram a questão.

Frei Horowski, no seu estudo, escreveu 6 páginas apresentando o conteúdo do código de Madrid e suas fontes. Estas páginas são fundamentais e mostram a autenticidade do texto, após uma minuciosa análise. O estudioso também abordou a questão de Frei Francisco de Assis como escritor e autor de algumas orações. Este argumento mostra que mesmo se considerando algumas vezes “ignorans et idiota”, o Pobre de Assis obteve, no transcurso da sua vida, um grau de instrução. O frade Capuchinho se apoia também nas discussões e estudos sobre o diaconado de São Francisco de Assis e uma possível preparação para receber o primeiro grau da Ordem, obtendo assim um nível de instrução (HOROWSKI, 2022).

Realizadas estas considerações, é importante analisar a fonte da oração, uma antífona do Magnificat, das primeiras Vésperas de todos os Santos, que entrou no calendário da Igreja no século IX. Durante o pontificado de Gregório IV, a antífona foi retirada do “Liber responsorialis” de São Gregório Magno. A antífona foi novamente usada no século XII no gradual Albiense e mais tarde encontrada no breviário usado pelos Frades Menores antes da morte de Frei Francisco de Assis.

O início da oração tem uma estrutura muito parecida com a antífona mencionada e com o texto da Regra não-Bulada, capítulo XXIII, 6, que evoca os servidores de Deus, anjos, santos e profetas, etc.

A oração inicia-se com uma invocação (uma litania): Angeli, Archangeli, Throni et Dominationes, Principatus et Potestates, Virtutes. Frei Francisco usa a interpolação: celorum. A oração continua: Cherubim et Seraphim, Patriarche et Prophete, Sancti Legis Doctores, Apostoli omnes, Christi Martires, Sancti Confessores, Virgines Domini, Anachorite. Ocorrendo outro acréscimo: Viri religiosi, Sanctique omnes, cuncte creature (HOROWSKI, 2022).

As palavras em negrito no texto mostram-nos a sensibilidade de Frei Francisco e sua linguagem já presentes em outros textos e orações, como: virtudes dos céus, homens religiosos e todas as criaturas.

O estudo do frade Capuchinho também identifica algumas palavras que não são encontradas no vocabulário usado por Frei Francisco em seus outros escritos, como adjetivos “viscerosus” e “dignus” no superlativo “viscerosissimo” e “dignissimo”. Entretanto, o conteúdo teológico e espiritual da oração está em consonância com a espiritualidade do pobre de Assis. A oração convida todos os espíritos celestes, todas as categorias de santos e todas as criaturas a se unirem na liturgia em ação de graças pelo grande dom da encarnação do filho de Deus. Neste caso, a oração é análoga ao Cântico das Criaturas e à conclusão da Regra não-Bulada, cap. XXIV. Vale recordar que a devoção à Mãe de Deus, a encarnação do filho de Deus e as festas do Natal, além de estar contidas nos escritos do Santo de Assis, foram atestadas pelos biógrafos e estão presentes nesta oração (HOROWSKI, 2022).

Quanto à autenticidade do texto, Frei Horowski afirma que a oração é de Frei Francisco de Assis, até que provem o contrário. Talvez seja importante ressaltar que esta oração não é um texto ideológico, que poderia ser usado pelos frades nas disputas sobre a pobreza; ela não tem um caráter profético, não relata o futuro da Ordem, dos seus membros e não exalta a Forma de Vida dos Frades Menores. O texto é uma oração de louvor, de ação de graças, é o modo de rezar do Pobre de Assis e seus companheiros. É mais um indício que pode confirmar a autenticidade do texto.

Fica o convite aos confrades a aprofundarem este assunto, lendo o artigo publicado na revista “Frate Francesco” e também os artigos que serão publicados nas revistas ligadas à nossa Província. Esta edição das Comunicações apresenta a tradução do texto latino (código de Madrid) para o português elaborada por mim, publicado no estudo de Frei Horowski.

[Ó] Anjos, Arcanjos,
Tronos e Dominações,
Principados e Potestades,
Virtudes dos Céus,
Querubins e Serafins,
Patriarcas e Profetas,
Santos Doutores da Lei!

[Ó] Apóstolos todos, Mártires de Cristo,
Santos Confessores, Virgens do Senhor,
Anacoretas, Homens religiosos,
e Santos todos,
todas as criaturas:
cantai todos docemente, com alegria e exultação
os divinos louvores ao Senhor, Criador onipotente!
E vinde, agora, todos!
Exultemos no Senhor!
Cantemos de alegria a Deus, nossa Salvação!
Atraiamos sua face na confissão (profissão “de fé”)
e O louvemos com Salmos, com grande louvor!
Pois Deus é o grande Senhor
e o grande Rei acima de todos os deuses.
Ele é o Rei admirável, louvável e bendito,
magnífico e sobre-exaltado,
muito excelso, eternamente, pelos séculos dos séculos,
que permanece para sempre, um só Deus: verdadeiro, glorioso e poderosíssimo.
Portanto vós, ó filhos dos homens,
louvai bem o Senhor da glória acima de todas as coisas,
Magnificai-o e sobre-exaltai-o!
Glorificai-O nos séculos dos séculos,
que toda honra e glória nas alturas seja
para Deus, o Criador Onipotente,
e que na terra haja a paz para os homens de boa vontade!
E prestai atenção e vede,
quantas coisas fez por nós o Pai das misericórdias e Deus de toda consolação!
Pois acima de tudo, Ele nos mostrou misericórdia,
quando assumiu nossa natureza
em seu santíssimo templo, no santíssimo ventre de sua Virgem mãe, digníssima Maria, a quem
Ele justamente santificou acima de todos, aqui na glória dos céus;
e também a coroou de maneira honorífica e gloriosa na glória de seu reino como Rainha de todos os homens e anjos.
Portanto, ó todas as criaturas, com todo esforço, adorai bem e magnificai
o Deus do céu, da mais alta majestade! Mas também,
acima de todas as coisas, proclamai sua bem-aventurança nos séculos dos séculos!
E não cesseis de multiplicar os louvores,
porque ele é sumamente bom
e ultrapassa todo o louvor!
Este nosso Rei pacífico é sumamente magnífico, acima de todos os reis
e de todo o universo,
[ó] Senhor Deus, nosso Criador,
Redentor e Salvador,
Conselheiro e nosso admirável Legislador!
Portanto, cantai todos agora,
e com uma voz doce, com júbilo, proclamai unanimemente e com o coração limpo e puro,
pacificamente, com vontade reta, no fervor de espírito,
com toda a devoção,
em nome da Santíssima Trindade, Pai e Filho e Espirito Santo,
cantando os louvores divinos na lembrança do afeto,
no amor profundíssimo do Deus Unigênito
e sua digníssima Mãe, a dulcíssima Maria!
Amém.

Free Download WordPress Themes
Download Premium WordPress Themes Free
Download Premium WordPress Themes Free
Premium WordPress Themes Download
free online course
download redmi firmware
Download Nulled WordPress Themes
online free course

Conteúdo Relacionado