Carisma - Província Franciscana da Imaculada Conceição do Brasil - OFM

Agentes da Formação Permanente

 

11

Estamos todos convencidos da urgência e necessidade de que nós frades, os discípulos de Cristo e de Francisco, cuidemos permanentemente de nossa formação. Inspirados em Documento da Secretaria Geral para a Formação e Estudos “Sois chamados à liberdade” (2008), fazemos algumas breves considerações:

• A vocação do frade menor apresenta-se como um caminho em constante vir a ser e nunca concluído, até o encontro com a irmã morte. Nesse crescimento, o Frade é guiado pelo Espírito do Senhor, pelo Evangelho e pela Regra, da qual as Constituições Gerais oferecem uma releitura para o mundo atual, repropondo os elementos essenciais do carisma franciscano: levar uma vida radicalmente evangélica, isto é, viver em espírito de oração e devoção e em comunhão fraterna; dar um testemunho de penitência e minoridade; anunciar o Evangelho ao mundo inteiro em espírito de caridade para com os homens; pregar por obras a reconciliação, a paz e a justiça; e mostrar o respeito pela criação” (cf. CCGG OFM 1,2).

• Cada frade é agente da formação permanente – “Compete a cada frade, como responsável último e decisivo, promover e levar a cabo sua própria formação permanente” (CCGG 137&1. Sob a ação do Espírito Santo, o frade menor é o agente principal de sua formação, responsável por assumir e interiorizar todos os valores da vida franciscana e capaz de autonomia e iniciativa pessoal”. Cada Frade acolhe a tensão própria da formação permanente entre “liberdade e fidelidade criativa” para responder ao dom de Deus no caminho de “conversão cotidiana”. Nesse sentido, o caminho formativo é chamado a suscitar a disponibilidade à renovação e ao crescimento contínuo, amadurecendo na convicção pessoal de sua necessidade e no assumir os tempos, meios e situações.

• Responsável pela formação permanente é a Fraternidade local. A Fraternidade franciscana é o lugar em que o Frade aprende a viver a obediência prometida ao Evangelho, no recíproco “lava-pés”, conforme o exemplo dado pelo Senhor e Mestre: “E ninguém se denomine prior, mas todos, sem exceção, sejam chamados de irmãos menores. E um lave os pés do outro”. Por isso, sendo “a fraternidade o centro primordial da formação permanente incumbe a cada irmão, e em primeiro lugar ao Guardião, a obrigação de fazer com que a vida ordinária da Fraternidade promova a ação formativa” (CCGG 137&2). “Os irmãos de cada Fraternidade têm a responsabilidade de criar um ambiente de confiança, no qual todos possam expressar livremente as próprias necessidades, pensamentos e sentimentos. É importante que os Frades promovam as capacidades de comunicação, de resolução dos conflitos e de construção da Fraternidade”. A isso destinado, o Capítulo local é o lugar privilegiado de encontro e de diálogo, de discernimento e de decisão, de partilha e de crescimento na resposta à comum vocação e às expectativas e esperanças do contexto eclesial e civil em que se vive.

Download Best WordPress Themes Free Download
Download Nulled WordPress Themes
Download Premium WordPress Themes Free
Download WordPress Themes
online free course
download samsung firmware
Download Nulled WordPress Themes
ZG93bmxvYWQgbHluZGEgY291cnNlIGZyZWU=