Vida Cristã - Província Franciscana da Imaculada Conceição do Brasil - OFM

São Francisco, o Santuário de Todos

27/09/2008

Frei Hipólito Martendal 

1. Largo São Francisco, 133
Quem não conhece esse endereço? Há 357 anos os frades franciscanos moram aqui. Não sei há quanto tempo foi afixado o nº 133 em nosso endereço. Mas, que importa? A maioria das pessoas é atraída para cá simplesmente pela magia da figura de São Francisco de Assis, sem precisar saber de números.

Os frades franciscanos estão aqui esses anos todos para honrar a personalidade ímpar desse homem totalmente evangélico chamado Francisco e para viver e anunciar o Evangelho à maneira dele. Isso nos faz estremecer cada vez que focamos a consciência nesta realidade.

Nestes longos anos de história, vários frades deixaram seus nomes aqui impressos na memória do povo de forma mais nítida e duradoura do que se esculpidas tivessem sido em placas de bronze.

Estaremos nós, os frades franciscanos de nossos dias, dando conta de cumprir tal missão de honrar a memória de nossos antepassados, como o Bem-aventurado Frei Galvão que foi guardião desta fraternidade e, principalmente, de engrandecer o nome de São Francisco, o santo tão querido de todos?

Vocês, povo de Deus que aqui acorrem, têm o direito de esperar e cobrar isso de nós…

2. São Francisco a serviço de todos
A característica número um da vida evangélica de São Francisco foi o que ele entendeu por minoridade. Para sua compreensão: minoridade para Francisco nada tem a ver com infância, infantilidade. Aliás, nosso Mestre e Senhor Jesus, quando fala de seus “pequeninos”, tem em mente seus discípulos e seguidores, destituídos do poder de barganha e influência neste mundo humano-satânico.

Cristo e Francisco defendem a necessidade de colocar-se como último, o menor de todos na escala social, a fim de poder servir a todos, como se fosse seus escravos. Jesus e Francisco intuíram com clareza solar que só o serviço humilde, voluntário e amoroso podia romper as linhas de força da ambição, da vanglória, da dominação, da violência, do ódio, da morte, características do mundo humano satânico.

E atenção! Ambos compreenderam que nada conseguiriam se tentassem convencer este mundo de seus erros e pecados pela argumentação, crítica, acusação, condenação, ou qualquer pregação. A solução estava em pôr-se, despretensiosamente, a serviço de todos.

Sabiam, Francisco e Jesus, que nada pode substituir o poder de convencer que a vivência radical do Evangelho possui. Ambos tinham certeza que só o “homem novo” concretizado no serviço social ao “homem velho” pode convencer esse “homem velho”, mundano-satânico, de que as setas indicadoras da alegria e felicidade apontam para outra direção, a direção do mundo humano-crístico do serviço, do amor fraterno, do lava-pés do tudo partilhado.

Vocês, povo de Deus que aqui acorrem, têm o direito de esperar e cobrar isso de nós. Mas…

3. Nosso Santuário a serviço de todos
Uma das características básicas de nosso Santuário – Paróquia-Convento de São Francisco é ele constituir ponto de procura e de encontro de pessoas as mais diversas, de toda a área metropolitana de São Paulo. Não raros os que chegam do Interior do Estado e outras regiões do Brasil. São Paulo é uma síntese do Brasil e nosso santuário é um resumo de São Paulo.

Na realidade aqui se faz necessária distinguir em categorias o público que nos procura. Os que acorrem diretamente ao nº 133 do Largo São Francisco podem ser divididos em três grupos.

O primeiro, o mais numeroso, é constituído por aqueles que chegam movidos por motivos diretamente religiosos, celebrativos e de devoção. São os freqüentadores da igreja.

O segundo grupo é formado por aqueles que procuram confissões, orientação e formação espirituais. Creio que nós sejamos de longe o confessionário mais procurado de São Paulo.

Formam o terceiro grupo os que procuram os serviços da Porta Aberta. Sentem necessidade de contato pessoal para desabafar e falar de todo tipo de dificuldades pessoais, tais como problemas psicológicos, de convivência familiar e matrimonial, falta amparo jurídico, desemprego e muitos outros.

Todos de alguma forma procuram o nº 133 por alguma coisa que admiram em São Francisco, embora alguns deles não sejam católicos e até não-cristãos. Fora do Santuário existem mais nove iniciativas de serviços e promoção humana em diversos endereços.

Todos eles, desde os portadores de HIV aos afro-descendentes pobres, têm, além das mais diversas formas de sofrimento, em comum a exclusão social e a carência de condições mínimas de vida. Cerca de 7 mil pessoas foram ajudadas no último ano. Nós, os frades e a legião de voluntários que os servimos, temos de ser os menores a serviço desses menores do mundo.

Vocês, povo sofrido de Deus, têm o direito de esperar e cobrar isso de nós. Mas, por favor …

4. Santuário de São Francisco, Casa de Oração e Celebração de Todos
Como já apontei acima, o povo de Deus chega aqui de todos os movimentos da Igreja Católica, de todas as tendências. Mais conservadores são alguns, mais liberais outros. Muitos praticam um cristianismo mais popular, mais tradicional e “santeiro”, de promessas.

Não poucos buscam um catolicismo mais elaborado, mais teológico. Valorizam nossos cursos, dão importância a pregações bem elaboradas e fortemente fundadas no Evangelho e Sagradas Escrituras em geral. Querem fundamentos sólidos para sua Fé.

Sendo assim, é importante que nossas celebrações litúrgicas tenham um padrão que atenda a uma certa média das demandas litúrgicas de nosso público. Não creio que seria bom que nossas missas fossem, por exemplo, celebradas no estilo mais carismático.

Isso alegraria nossos irmãos da Renovação Carismática, mas desagradaria certamente os freqüentadores, digamos mais clássicos, ou mais tradicionais. Não se trata de nossos frades “ficarem em cima do muro” e fugirem de definições para fazer média com o público. Trata-se de uma convicção profunda, evangélico-franciscana, que nos urge a servir bem a todos, sem discriminação, pois estamos convencidos de que toda discriminação é sempre profundamente desumana e antievangélico-franciscana.

Mas, de permeio a essa unidade de ação em nosso santuário, é também desejável que haja certa variedade de estilos pessoais de celebrar e atender essa boa gente aqui afluente. Há coisas essenciais imutáveis , mas existem muitas outras que podem ricamente variar. Existe riqueza na diversidade, principalmente na diversidade dos dons. São Paulo que o diga.

Vocês, povo de Deus, que aqui acorrem, têm o direito de esperar e cobrar isso de nós. Mas, por favor, façam isso, nos corrijam, com caridade no Senhor.

Download Premium WordPress Themes Free
Download Premium WordPress Themes Free
Free Download WordPress Themes
Download Best WordPress Themes Free Download
free download udemy paid course
download lava firmware
Download WordPress Themes
online free course