Quem somos - Província Franciscana da Imaculada Conceição do Brasil - OFM

Gregório Johnscher

* 08.08.1920               †18.03.2005

Frei Gregório faleceu hoje, 18.03, por volta das 10h30, no Hospital de Agudos, depois de algumas semanas em crescente debilidade física geral. Em 2004, depois de sofrer uma queda, só andava com o apoio de um andador. Posteriormente, permanecia no seu quarto, ainda sentando-se à mesa, onde lia, rezava e escrevia. Nas últimas semanas, passou a ficar permanentemente na cama, assistido pelo enfermeiro, confrades e seminaristas. Permaneceu lúcido, praticamente até o final.

O frade menor

Vida e a trajetória franciscana e sacerdotal de Frei Gregório falam por si mesmas. Entre seus confrades é considerado um monumento, um ícone dos valores mais essenciais da vida franciscana, porque nele ficava patente aquilo que todos nós desejamos ser como frades menores.

Sem contar o tempo de formação, recebeu apenas duas únicas transferências ao longo dos seus 64 anos de vida franciscana, para Rio Negro e Agudos: 56 anos como educador; 52 anos no Seminário de Agudos, dos quais 36 como professor.

Gerações de frades dele receberam os estudos das ciências, do desenho, do latim. Ficaram célebres suas aulas no laboratório de química na manipulação das substâncias e dos aparelhos de experiências. Com Frei Onésimo Dreyer, despertou nos jovens formandos o amor e o interesse pela astronomia.

O Museu Escolar, que hoje leva seu nome, consumiu grande parte do seu tempo, de sua dedicação e de sua vida. E tornou-se uma referência em toda a região, com as visitas de escolares e do público em geral.

Ao lado desta sua dimensão de homem da ciência, havia o zeloso pastor, sempre disposto no atendimento dos enfermos no hospital local, nas celebrações e confissões na Paróquia de Santo Antônio, que ele ajudou a construir.

Nos serviços internos da fraternidade, era uma presença constante, fiel e incansável. Aprendemos a associar sua figura e presença à vida de oração e à Eucaristia. Constituiu-se num sinal, num convite permanente e silencioso àquela dimensão tão cara a São Francisco, a de buscar incessantemente a “santa operação do Espírito de Deus”.

O zelo, a dedicação extremada aos confrades idosos e doentes era outra sua marca. Não raro, levantava durante a noite e a madrugada, para verificar se os enfermos não precisavam de algo e, para os quais, celebrava a missa diária.

Presença alegre, amiga, bem humorada, nos recreios e encontros da fraternidade, sempre encontrando uma forma de puxar uma boa conversa, com uma “introdução prévia”, delicadeza própria de quem se oferece e não se impõe.

Mesmo nos seus últimos anos, com as limitações da idade e saúde, procurava descobrir onde e como servir, seja como cronista da casa, na marcação das missas, e na redação das memórias e biografias dos confrades mais idosos da fraternidade.

Por tudo isto, e muito mais, o Seminário de Agudos não será mais o mesmo sem a presença física deste frade menor. Não veremos mais o seu vulto, andando e rezando o rosário durante a noite, na penumbra dos corredores e do claustro. Porém, o tempo não vai conseguir apagar do coração e da memória dos seus confrades e seminaristas, o seu testemunho de fé e de fidelidade e a sua límpida encarnação do evangelho.

De certa forma, com a morte de Frei Gregório, se encerra uma parte da história do Seminário de Agudos, da qual ele foi pioneiro, e protagonista.

Dados Pessoais e formação

  1. Nascimento: 08.08.1920 (84 anos), em Curitiba-PR.
  2. Nome de batismo: Norberto Guilherme
  3. 1934-1940 – Ingresso e estudos iniciais no Seminário de Rio Negro-PR.

21.12.1940 – Vestição e Admissão ao Noviciado Franciscano, em Rodeio-SC.

  • 64 anos de vida religiosa franciscana.
  • 22.12.1941 – Primeira profissão temporária dos votos religiosos.
  • 1942 – Estudos de Filosofia, em Rodeio-SC.
  • 1943-1944 – continuação dos Estudos de Filosofia, em Curitiba-PR,
  • 1945-1948 – Estudos de Teologia, em Petrópolis-RJ.
  • 22.12.1944 – Profissão solene dos votos perpétuos na Ordem dos Frades Menores.
  • 30.11.1945 – Ordenação diaconal, em Petrópolis-RJ.
  • 03.12.1946 – Ordenação presbiteral (58 anos de ministério sacerdotal).

Atividades na Evangelização e Pastoral

  • 1949-1952 – Professor, Mestre dos Irmãos no Seminário de Rio Negro-PR.
  • 1953-1989 – Exerceu, por 36 anos, magistério como professor no Seminário Santo Antônio (Ensino Básico e Ensino Médio), em Agudos-SP.
  • 1953-2005 – Professor, Mestre dos irmãos, Vigário da Casa, Vigário paroquial, capelão do Hospital, Confessor, Idealizador e Coordenador do Museu Escolar, em Agudos-SP.
Download Best WordPress Themes Free Download
Free Download WordPress Themes
Download WordPress Themes Free
Free Download WordPress Themes
lynda course free download
download intex firmware
Download WordPress Themes
download udemy paid course for free
ACESSE A LISTA COMPLETA DE FRADES FALECIDOS