Cultura franciscanaNotícias › 02/04/2014

Canarinhos celebram a Semana Santa e a Páscoa no Sagrado

coral_canarinhos_franciscanos.org.brPhilippe Fernandes, especial para este site

O Coral dos Canarinhos de Petrópolis irá celebrar a Páscoa, período que marca a ressurreição de Jesus Cristo. Os corais do Instituto dos Meninos Cantores (IMCP) participarão de três celebrações (duas com o coral dos meninos e uma com o Coral das Meninas dos Canarinhos). As mesmas serão na Igreja do Sagrado Coração de Jesus, no Centro Histórico de Petrópolis.

As Meninas dos Canarinhos cantarão a missa, popularmente conhecida como Lava-Pés, no dia 17 às 19h30 e os Canarinhos participarão da Celebração da Paixão e Morte do Nosso Senhor Jesus Cristo, no dia 18, às 15h e da missa de Páscoa no dia 20 às 10h. Obras como “Christus factus est” em gregoriano; “Popule meus”, de Tomaso Luigi da Vittoria; Miserere mei, de G. Allegri; “Eli, Eli!”, de Georgius Bárdos; “Adoramus te, Christe”, de G. Martini; “O Jesu Christe”, de Jaques van Berchem, Regina Coeli de Gregor Aichinger e a Missa Papae Marcelli de Palestrina, estarão na programação.

O espírito da Páscoa também é lembrado no CD Reflexos do Brasil, gravado pelo Coral dos Canarinhos e lançado pelo IMCP.

Composto por músicas sacras brasileiras, todas contemporâneas, o trabalho do coro apresenta uma linguagem moderna, marcada por um choque harmônico vanguardista, com dissonâncias. “A grande diferença de um trabalho musical contemporâneo é a perda de parte de sua base harmônica. Isso pode causar um certo estranhamento para quem não está acostumado a este tipo de música”, explica o maestro Marco Aurélio Lischt, regente do coral, afirmando que o repertório é inédito. “Nenhum coro de meninos do mundo trabalha este tipo de repertório, por causa da sua dificuldade. Só os profissionais ousam fazê-lo”, destacou.

Lischt explica que o desafio do CD “Reflexos do Brasil” é provocar a sociedade, que está confortável em sua rotina, a ouvir uma música diferente: “A linguagem da música moderna, assim como outras manifestações de arte moderna, não está no dia a dia das pessoas. No decorrer do século XX, houve um afastamento entre a arte contemporânea e a vida cotidiana. No caso da música, ela se tornou mais intelectualizada”, explicou.

O CD custa R$25 e está à venda no site: www.canarinhos.com.br. Mais informações também podem ser adquiridas pelo telefone: (24) 2104-4141.