Vida CristãFrei AlmirO Sabor da Palavra › 13/06/2018

A lei do Amor

Santo Antônio de Pádua

13 (1)Mt 5,17-19


“Quem os praticar (os mandamentos) será considerado grande no Reino dos Céus”


Jesus Cristo veio pregar a Lei do Amor que está inserido nos dez mandamentos, portanto, não veio abolir a Lei, mas, sim, nos dar a graça de vivê-la plenamente.

Se percebermos o que se passa dentro do nosso coração, veremos que nada dentro de nós mudou e que o ser humano precisa hoje como sempre dos valores que a Lei do Senhor propõe.

Deus quer salvar o mundo através do AMOR e a prova disso é que Jesus Cristo veio entregar-se, foi crucificado, morreu, foi sepultado, mas ressuscitou por Amor.

Hoje fazemos memória do santo mais popular da história da Igreja falecido em 1231, Santo Antônio de Pádua, um frade franciscano e doutor da Igreja. Contemporâneo de São Francisco, Santo Antônio ensinou a teologia para os frades e com o dom da oratória fez a sua pregação junto ao povo que sofria as duras penas do sistema feudal.

Frei Antônio era de família nobre, mas encontrou o seu caminho junto aos frades mendicantes de São Francisco de Assis. Por tal ideal consumiu toda a sua vida em prol do evangelho e do Reino de Deus.

Então sigamos o exemplo de Santo Antônio de Pádua, invocado pelos namorados e para achar os objetos perdidos, fiquemos atentos aos planos de Deus sempre com fidelidade à Sua Palavra e vivendo o Evangelho com concretude junto aos mais necessitados.

Paz e bem!

Reflexão feita pelos noviços