Vida CristãMeditação diária › 11/06/2018

O menosprezo

Frase para refletir:

“Não odeia, mas menospreza. Não odeia mais que o igual ou superior” (Friedrich Wilhelm Nietzsche, filósofo alemão, 1844-1900).

medita_110618

Ver a felicidade do outro incomoda os fracos. Menosprezar é tratar com indiferença, como se a pessoa nem existisse, é desprezo. Ser menosprezado dói mais que ser odiado. Se alguém odeia, pelo menos reconhece a existência. Quem se sente menosprezado sente como se o mundo estivesse acabado, onde não há mais esperança. Quem menospreza sempre terá o álibi da indiferença, “não fiz nada, nem vi se estava ali”, pois é de foro íntimo. Geralmente, o menosprezo acontece entre iguais ou inferiores. Já o ódio ocorre com iguais ou superiores porque a pessoa se sente incapaz de atingir o nível do outro, então odeia. Pode estar ligado ao nível social ou financeiro, mas atinge muito mais ao grau de “felicidade” que o outro irradia, e isso incomoda muito. Viver se preocupando com a opinião dos outros a nosso respeito rouba um tempo precioso em que poderia estar em outro patamar de existência para se encantar com a vida e estar livre as setas maliciosa dos invejosos.

Bom dia! Bom trabalho!

Reflexão feita por José Irineu Nenevê


Links:

Facebook: http://www.facebook.com/bomdiaebomtrabalho
Mensagens anteriores em www.maikol.com.br
Leia o Livro “Bom dia e bom trabalho, sabedoria para todos os dias”, Editora Vozes.