Vida CristãFrei AlmirArtigos › 03/06/2018

Escutar o Filho amado

perola_030618A grande tradição mística sempre soube vincular-se com a realidade.  Penso, por exemplo,  em André de Creta.  Lembra-nos ele  que a palavra divina que os apóstolos ouvem no Tabor: “Ouvi-o”, significa concretamente:  “Fazei o que ele disse”.

Ser cristão não consiste em ouvir plácida e incessantemente as Escrituras, não é ter essa ou aquela opinião. É colocar em ato uma palavra imperativa. Segundo André de Creta quais os mandamentos de Jesus?  Há seis, responde ele e que são enumerados no Evangelho segundo Mateus:

Tive fome e me deste de comer;
tive sede e me deste de beber;
fui estrangeiro e me acolheste;
estive nu e me vestiste;
estive doente e me visitaste;
estive na prisão e vieste me ver.

A contemplação do Cristo transfigurado não é uma “escapada” no sagrado ou no passado.  Ao contrário, no meu ponto de vista, é urgente necessidade. Ela, na verdade, consiste no único alimento que me dá forças para transfigurar o mundo.

Émile Shoufani