Vida CristãFrei AlmirArtigos › 12/04/2018

Vencer o vazio interior

perola_120418As pessoas se defendem como podem do vazio interior. Alguns se refugiam na diversão; tratam de proteger sua vida entretendo-se com alguma coisa: o risco está em cair numa vida superficial e pouco autêntica. Outros fogem do tédio sempre buscando algo novo e diferente; tratam de romper a monotonia de sua existência visitando novos lugares, estabelecendo novas relações, cultivando novo hobbies… Tudo pode ajudar a pessoa, entretanto, a novidade deve vir de dentro para fora e não de fora para dentro. A verdadeira libertação está na recuperação do sentido. Aprender a distinguir o que é essencial do que não o é, e o que reclama a nossa responsabilidade e o que não vale a pena. É importante sobretudo enriquecer a vida interior e reavivar “o amor criador” que, segundo Tomas de Aquino é o contrário da acídia e do tédio vital.

José Antonio Pagola, “É bom crer em Jesus”, Vozes, p. 70-71.