Vida CristãFrei AlmirO Sabor da Palavra › 05/03/2018

Jesus rejeitado em Nazaré

Tempo da Quaresma

sabor_050318Lc 4,24-30


“Nenhum profeta é bem recebido em sua pátria.”


Jesus estando em Nazaré se dirige até a sinagoga e denuncia a indiferença e o desprezo que o povo tinha a respeito dele. A partir das escrituras, Jesus cita Elias e Eliseu, que foram enviados a socorrer outros povos em momentos de crise em Israel. O povo não aceitou e o expulsou da cidade.

A indiferença é, de fato, um dos grandes males do nosso século. Verifica-se nas instituições públicas e privadas, nas comunidades e até no seio familiar. Muitas pessoas doam sua vida em prol do bem comum, semeando a paz, o diálogo, a alegria e o amor, mas em troca recebem uma coroa de espinhos e muita humilhação.

Jesus, “o mestre do amor e da sensibilidade”, como nos lembrou Augusto Cury, quer hoje despertar-nos para que possamos vencer a indiferença e os preconceitos que nos impedem de enxergar o amor divino em nossos irmãos.

Que, a exemplo de Cristo, os profetas de nosso tempo e os homens de boa vontade, saibamos resistir às incompreensões e ao mal, e possamos fazer o bem e denunciar as atrocidades com audácia. E assim lutar para a construção de um mundo mais humano e fraterno.

Reflexão feita pelos noviços.